Dor nas costas - Lombalgia, Inflamação . Fazer o diagnóstico é o mais importante!

As lombalgias, popularmente conhecidas como "Dores nas costas", são bastante comuns em pessoas acima dos 40 anos. O problema atinge a região da coluna que fica localizada entre a última costela e a porção glútea, local que suporta a maior parte do peso do corpo. As lombalgias atingem cerca de 80% da população adulta no Brasil em alguma fase da vida, segundo a Previdência Social. Existem várias causas das lombalgias, sendo que grande parte delas acontece devido à má postura.

A pessoa começa a perceber que tem o problema apenas quando ele está muito avançado, ou seja, quando o corpo não consegue mais se adaptar às posturas erradas. Permanecer muitas horas na mesma posição também pode causar o problema. Ficar na frente do micro durante um longo período, sem dar um tempo para o corpo pode resultar em uma lombalgia.

Na terceira idade, os cuidados para evitar as lombalgias devem ser redobrados. Os médicos recomendam alguns cuidados especiais, como sentar corretamente, usar almofadas confortáveis para o apoio das costas, não passar muito tempo na mesma posição e dormir com um travesseiro baixo e com colchão adequado ao peso, além da prática de exercícios físicos.



Prevenção


O exercício físico é indispensável para prevenir as lombalgias. Eles devem ser praticados sob a orientação de um profissional da área. Alguns dos exercícios mais indicados são caminhadas - lembrando de andar com a coluna reta -, hidroginástica e musculação, que devem ser feitos regularmente, mas sem exageros de intensidade. Aliados aos exercícios, os alongamentos também ajudam a prevenir o problema, mantendo as articulações flexíveis.

Quem passa a maior parte do tempo sentado precisa verificar se há recurso de ajuste do encosto e da altura da cadeira. Além disso, é preciso observar se a mesa está na altura do cotovelo. Procure sentar encostado e alinhado com o eixo da cadeira, além de evitar torções do tronco e do pescoço, como pegar um objeto atrás do corpo ou segurar o telefone com os ombros. Outra medida que ajuda na prevenção é fazer uma pausa a cada hora de trabalho para se espreguiçar ou caminhar. Quando estiver em casa, evitar realizar tarefas com os mesmos padrões de movimento das atividades do trabalho.

Tratamento


Os idosos precisam ter atenção especial quando surge este problema, pois com a idade os problemas relacionados á postura e à falta de cálcio nos ossos costumam trazer maiores riscos à saúde. Caso a dor nas costas esteja muito intensa, é recomendável procurar um ortopedista, que irá avaliar o problema e indicar a melhor forma de tratá-lo. As indicações vão desde técnicas de relaxamento, alongamento e exercícios leves, até tratamentos com antiinflamatórios, analgésicos e fisioterapia. No caso de lombalgia causadas por obesidade, é necessário perder peso.

Comentários

Postagens mais visitadas