Hidratação Nutrição ou Reconstrução?

Tratar o cabelo e cuidar bem dele em casa é essencial para mantê-lo bonito e saudável. Os resultados feitos em salões de beleza são mais duradouros e o cabelo cresce até mais rápido. Porém, todos os cremes tem suas funções específicas e cada um trata o cabelo de uma maneira.
É essencial conhecer como cada creme funciona, para assim ter o efeito desejado no seu cabelo. Os fios sofrem diversos tipos de danos por diversos motivos. Abaixo deixei o problema e solução para cada caso. Desde cabelos quebradiços, à pontas espigadas, frizz, cabelos frágeis e elásticos. Conheça-as:

Nutrição

A nutrição é a reposição de óleo do cabelo. Seve para dar brilho, deixar o fio alinhado e maleável. Sabe aquelas pontas que parecem uma vassoura, ficam meio duras e cada um vai para um lado? Então, é aí que entra a nutrição. Ela também ajuda o seu cabelo a se manter hidratado por mais tempo e cria uma barreira de proteção natural contra agentes externos que podem danificar a estrutura do fio.
Para isso, escolha produtos que contenham óleo vegetal: óleo de coco, óleo de jojoba, azeite de oliva, manteiga de cacau, manteiga de karité e outros.

Hidratação

Como o próprio nome já diz, repõem a água no fio. Naturalmente e em processos químicos os fios podem ir perdendo água aos poucos. É preciso fazer hidratações constantes para que eles fiquem bonitos.
A hidratação deixa o cabelo macio, molinho e pronto para receber a nutrição. Serve para cabelos rígidos e quebradiços  Ela meio que dá aquela sensação de cabelo molinho e gostoso. Também evita a quebra quando os fios estão muito rígido. Porém deve ser evitada em cabelos elásticos.
Use produtos com vitaminas, principalmente b5 (dexapantenol), glicerina vegetal, aloe vera e proteínas hidrolisadas, como por exemplo de gérmen de trigo.

Reconstrução

A reconstrução devolve toda a massa para os cabelos e é fundamental que seja feita em fios que estão elásticos. Quando seu cabelo está frágil e esticando até se partir, é preciso fazê-la bem antes dos outros citados anteriormente.
Ela dará força para o fio, deixando-o mais rígido. Porém em excesso pode causar a queda. Faça no máximo 1 vez por mês, caso contrário seu fio poderá ficar com a estrutura muito dura e se partir por falta de maleabilidade.

Para isso utilize queratina e outros produtos que tenham em sua composição proteínas. As proteínas hidrolisadas também são recomendadas. Você pode inclusive fazer uma cauterização!

Comentários

Postagens mais visitadas